O El Clássico está de volta. E nada melhor do que ser jogado na época natalícia. Amanhã, Real Madrid e Barcelona defrontam-se em mais um jogo de colossos europeus, que promete, mais uma vez, monopolizar os holofotes do mundo do futebol. A equipa de Lionel Messi lidera o campeonato de forma folgada, mas Cristiano Ronaldo e companhia querem terminar um ano de luxo da melhor maneira.

Ler mais: Real Madrid contra Barça: quase 1.100 milhões de euros em campo

O encontro não ganha o destaque apenas pelo confronto. Na vertente financeira a partida dá ainda mais cartas do baralho. O Finance Football andou a juntar vários dados e, depois, das contas chegou à conclusão que os onze iniciais previstos para a partida ultrapassam os 980 milhões de euros. A fonte de pesquisa dos dados foi o Transfermarkt.

Não é dos confrontos, onde estão os planteis mais caros de sempre, mas decerto continuam a ser os de maior cotação.

Do lado do Real Madrid, a figura de destaque é obviamente Cristiano Ronaldo. O valor de mercado do internacional Português está nos 100 milhões de euros. O campeonato não está a ser dourado para o jogador, mas leva oito golos nos últimos sete jogos. No clássico, o melhor do mundo tem já 17 golos marcados.

Ler mais:

Mundial de Clubes: Real Madrid vale quatro vezes mais que as outras equipas juntas

Real Madrid termina época com receitas de 674,6 milhões

Football Leaks: Real Madrid’s Adidas contract worth €1bn

Do lado do Barcelona, como não podia deixar de ser, a figura de maior relevo é Lionel Messi. O internacional Argentino está avaliado em 120 milhões de euros. O craque ganhou, recentemente, o prémio de melhor jogador da La Liga da última época.

Ler mais: 

Barcelona é a equipa que mais gasta em salários

Barcelona regista receitas recorde

Ranking academias de Espanha: Barcelona já lucrou 145 milhões com ‘cantera’

Os jogadores com mais avaliação neste jogo são, de seguida: Toni Kroos (70 milhões de euros), Luís Suárez (90 milhões de euros) e Sergio Busquets e Karim Benzema com um valor de 60 milhões de euros.

Contudo, nem só de galácticos se faz a partida. Há jogadores que não chegam, sequer, aos 10 milhões de euros. Exemplo disso é Thomas Vermaelen, defesa-central que deverá substituir Samuel Umtiti nos blaugranas.

Os 11 iniciais de cada equipa atingem os 503 milhões, nos blancos, e os 480 milhões de euros nos catalães. Porém, se virmos o panorama geral da temporada de cada clube espanhol, o Real Madrid tem um plantel avaliado em 743,8 milhões de euros, enquanto o Barcelona se fica pelos 706,5 milhões de euros.

Outros números…

O número estimado de espectadores para assistir ao último clássico do ano, vai atingir os 650 milhões. Os dados foram anunciados pela Liga Espanhola. O jogo vai ser visto em 185 países.

A estratégia de internacionalização já atingiu o mercado asiático. Num dos últimos clássicos visto na China, por exemplo, a audiência atingiu 2,8 milhões de espectadores.

Espera-se ainda, 81044 adeptos no Estádio Santiago Bernabéu.

Quem ganha na Internet?

Não só de futebol e números financeiros se faz o dérbi. Nas redes sociais, já há algum tempo que a competição entre os dois maiores clubes do mundo começou. No total, o Barcelona atinge os 220 milhões de seguidores, espalhados pelo Facebook, Twitter e Instagram. O Real Madrid chega, apenas, aos 206 milhões de seguidores.

Nas redes sociais as contas dos clubes variam em línguas. Por exemplo, o clube de Valverde tem quatro contas no Facebook e 11 contas no Twitter. O conjunto de Zidane tem duas contas no Facebook e cinco no Twitter.

Um dado curioso é as estrelas de cada equipa terem muitos mais seguidores. Cristiano Ronaldo tem mais de 300 milhões de fãs, enquanto Lionel Messi atinge os 171 milhões de fãs.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *