A marca Brand Finance fez, novamente, um estudo sobre as marcas mais fortes e com mais valor no futebol no ano de 2017. Manchester United, Real Madrid e FC Barcelona são o topo da lista. Em comparação com 2016, SL Benfica saiu do top e não há nenhum representante português.

O ano passado só duas equipas atingiram a valorização acima dos 1000 mil milhões de euros. Em 2017, Manchester United, Real Madrid, FC Barcelona, Chelsea FC e Bayern Munich têm a sua marca avaliada em mais de 1000 mil milhões de euros. No top5, só o Chelsea entrou para o quarto lugar, ao invés do Manchester City que desceu para o sexto lugar.

A maior valorização anual da marca foi alcançada pelos campeões ingleses do Championship. O Newcastle United viu o seu valor de marca crescer cerca de 87% para 221 milhões de euros, subindo até ao 22º lugar. Pelo contrário, a maior desvalorização dos 50 foi alcançada pelo VfL Wolfsburg. A equipa alemã viu o valor da sua marca decrescer 11% para uns 229 milhões de euros, fixando-se agora no 21º lugar.

Entre as estreias no ranking, destacam-se Bournemouth FC e Burnley da Premier League. 1899 Hoffenheim, FC Köln,  RB Leipzig e Eintracht Frankfurt da Bundesliga. E o FC Zenit, clube da Premier Rússia.

A principal liga inglesa é mais representativa da lista. Em 20 clubes do campeonato, 18 tem a marca bem valorizada.

Para aferir a força de uma marca, a Brand Finance Football usou variáveis como o investimento na marca, as receitas com patrocínios, receitas em dia de jogo e receitas de direitos televisivos, entre outras.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *