O Sporting B está em risco de terminar já na próxima época, caso o mau momento desportivo e financeiro se mantenham. A segunda equipa leonina encontra-se abaixo da linha de água da Ledman LigaPro e já despediu o seu treinador João de Deus.

Os tempos são os mais conturbados desde que voltou ao activo, em 2012/13. A equipa não vencendo uma partida há mais de três meses e é cada vez mais claro que o fim é uma possibilidade real a equacionar próximo mandato do presidente sportinguista Bruno de Carvalho. A descida ao Campeonato de Portugal poria em causa a continuação do projeto que se está a revelar dispendioso para a SAD leonina.

Ler também: Sporting e Macron renovam patrocínio por mais quatro anos

A folha de encargos anuais do Sporting B é já superior a três milhões de euros, o que em caso de extinção se pode revelar uma amortização decente das finanças do emblema lisboeta. A despesa dos bês leoninos engloba não só os salários e custos do plantel, mas também os da administração e logística.

Segundo o atual programa de Bruno de Carvalho, “a equipa B é uma aposta para manter no triénio assumido, mantendo os objetivos da equipa na lógica de formação do atleta e de jovens talentos como última etapa do processo de formação. No fim do triénio estudar a possibilidade de clubes satélites ou equipa B“.

Com 15 partidas ainda por disputar, o Sporting procedeu à contratação do treinador Luís Martins. O antigo treinador adjunto do Zenit exercerá também funções de Diretor Técnico para o Futebol de Formação. O próximo desafio do Sporting B será a deslocação a Barcelos para defrontar o Gil Vicente.

//platform.twitter.com/widgets.js

Tendo em mente as próximas eleições, caso seja Madeira Rodrigues o novo presidente leonino, a equipa B do Sporting deverá continuar a servir as suas funções.

2 Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *