São 736 jogadores que marcam presença neste Mundial 2018, na Rússia, ao serviço das suas respetivas seleções. No entanto, alguns deles se destacam por uma folha salarial de invejar qualquer um. Focamo-nos aqui na lista dos dez jogadores mais bem pagos deste Mundial.

Surpreendentemente (ou não) são os jogadores sul-americanos que dominam esta restrita lista, com sete dos dez a pertenceram à América do Sul. Os outros três jogadores presentes são europeus. América do Norte, África, Ásia e Oceania não contam com nenhum jogador no top.

O argentino Lionel Messi lidera com um salário de 95,8 milhões de euros por ano. Aliás, o craque do Barcelona ultrapassou recentemente Cristiano Ronaldo na lista dos atletas mais bem pagos do mundo da Forbes. Ronaldo tem um salário cerca de dois milhões mais baixo.

E se CR7 é o único português no ranking, Messi vê mais dois camaradas seus neste lote. São eles Ángel Di María (19,5M €) e Sergio Agüero (20,3M €). Um trio de atacantes de luxo, que juntos auferem mais de 130 milhões por ano.

Mesmo nesta lista dos dez mais pagos, há um fosso enorme que se torna evidente. Se no quarto lugar, Paul Pogba ganha 25,5 milhões de euros anualmente, um lugar acima, Neymar vê o Paris Saint-German pagar-lhe 77,7 milhões. Uma abismal diferença de 52,2 milhões.

 

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *