O Villarreal CF espera encarar a temporada 2017/2018 com um orçamento de 117 milhões de euros, o valor mais elevado que o clube espanhol alguma vez apresentou.

Esta previsão foi feita numa visita à Universidade Complutuense de Madrid pelo vice-presidente do clube, José Manuel Llaneza. Neste complexo universitário, Llaneza esteve presente numa conferência de nome “Villarreal CF SAD: Modelo de negócio e responsabilidade social corporativa” e explicou como o Submarino Amarelo consegue encarar este orçamento de uma forma “auto-suficiente”.

Apenas em direitos televisivos, o clube espanhol prevê receber uns estonteantes 70 milhões de euros, montante por si só bastante superior ao orçamento de praticamente todos os clubes da Primeira Liga portuguesa, à exceção dos três grandes.

É fundamentalmente graças a este dinheiro proveniente das transmissões audiovisuais que o Villarreal CF se dá ao luxo de ter um orçamento de valor tão elevado.

O Submarino Amarelo ocupa atualmente o quinto lugar da La Liga, com 20 pontos em 11 jogos, atrás de Atlético de Madrid, Real Madrid, Valência e o primeiro classificado Barcelona. Curiosamente, destes cinco clubes, o Valência é o que apresenta um orçamento mais baixo (95 milhões de euros), mas está apenas a quatro pontos do líder Barça, com muito campeonato ainda pela frente.

Ajudado pela venda de Neymar por valores exorbitantes, o FC Barcelona espera encaixar cerca de 897 milhões de euros, fazendo do clube catalão o clube com o maior orçamento da La Liga. Já o Real Madrid e o Atlético de Madrid preveem faturar 690,3 e 343 milhões de euros, respetivamente.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *