A Ligue de Football Professionnel (LFP) contratou a agência Havas Sports & Entertainment, para procurar um title sponsor para a principal competição de futebol do país, a Ligue 1.

Depois de no ano passado anunciar os principais patrocínios da Ligue 2 e da e-Ligue1, a primeira liga de futebol virtual, a LFP procura aumentar ainda mais os rendimentos com a venda do naming da Ligue 1. Para tal, a entidade confiou na Havas Sports & Entertainment, do grupo Havas, a venda “dos direitos inerentes à condição do title sponsor da Ligue 1 e na pesquisa e negociação de direitos de Havas Sports & Entertainment”, dito em comunicado.

O CEO da agência em França, Stéphane Guerry, afirmou que a organização está “orgulhosa e feliz pela mobilização do nosso conhecimento e da nossa experiência ao serviço da LFP para comercializar o meio de comunicação mais poderoso disponível em França”.

A Ligue 2 tem uma parceria, de quatro temporadas, para com a Domino Pizza e a e-ligue1 com a Orange. No final do ano passado, a Ligue 1 recebeu uma proposta de 15 milhões de euros, durante três anos. Contudo, a LFP decidiu não aceitar devido ao possível conflito que existiria com a Canal+, difusora dos jogos do campeonato francês.

A Ligue 1 tem crescido cada vez mais e possui uma exposição poderosa a nível internacional. A vasta distribuição da liga atingiu uma audiência acumulada de 480 milhões de espectadores. Em França são cerca de 180 milhões de espectadores, sendo que 13,5 milhões acompanham regularmente o campeonato. Durante a época, os estádios perfazem um total de 8,1 milhões de adeptos.

O lucro líquido dos clubes franceses atingiu os três milhões de euros em 2015/2016. A faturação ultrapassou os 2 mil milhões de euros. Enquanto a compra e venda de jogadores chegaram a um saldo positivo de 429 milhões de euros, os direitos televisivos têm rendido cada vez mais à Liga Francesa de Futebol e, por conseguinte, aos cofres dos clubes.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *