O Ajax e o Guangzhou R&F anunciaram um acordo de colaboração com o objetivo de desenvolver a melhor academia de jovens na China. O acordo terá a duração de 5 anos e será renovável no final desse período se ambas as partes estiverem satisfeitas.

Até lá, o clube holandês irá investir vários milhões na academia do Guangzhou e enviar uma equipa de treinadores, que será liderada por Ed Engelkes.

Além disto, o clube de Amesterdão irá receber 10 milhões de euros para partilhar o seu conhecimento ao nível da formação e desenvolver um departamento de observação.

Edwin Van der Sar, antigo guardião do Manchester United e atual diretor executivo do Ajax diz que a partilha de conhecimentos éboa para ambas as partes”, afirmando ainda que “para um clube como o Ajax é difícil crescer na atual indústria europeia de futebol. Com iniciativas como esta criamos oportunidades para evoluirmos através de caminhos alternativos”.

Por sua vez, o vice-presidente do clube chinês, Nick Wong, defende que o Ajax tem a melhor academia do mundo” e encaixa no estilo de jogo do clube, bem como nos objetivos futuros no que toca ao desenvolvimento de jovens.

Recorde-se que o clube de holandês é reconhecido mundialmente pela qualidade na formação, de lá já saíram nomes como Johan Cruijff, Marco van Basten, Dennis Bergkamp, Frank Rijkaard, Edgar Davids, Patrick Kluivert, Wesley Sneijder, Christian Eriksen, entre muitos outros. Além de todos estes talentos, o bom trabalho resultou ainda num enorme sucesso nacional e, lá fora, em quatro Ligas dos Campeões.

Do outro lado temos o quinto classificado da última edição do campeonato chinês, cuja grande estrela é Eran Zahavi, melhor marcador dessa mesma edição. O futebol chinês tem tentado crescer e ganhar visibilidade através de investimentos em renomados craques e tenta agora um caminho diferente que passa por formarem eles próprios esses craques, dando-lhe outra cultura futebolística.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *