Nos últimos anos, as quantias acordadas entre os clubes de futebol e as marcas que desejam patrocinar as equipas chegaram a valores recordes. O ano de 2016 contou com várias renovações e aumentos dos valores recebidos. Mas, feitas as contas, quem é que lidera o novo ranking?

Nada mais nada menos do que o Manchester United, o histórico clube inglês que este ano é conduzido por José Mourinho. O novo contrato com a marca Adidas, válido até 2026, e a renovação do patrocínio comercial com a Chevrolet, até 2021, bem como vários outros patrocínios – direitos de “naming” para o centro de treinos, por exemplo – totalizam valores compreendidos entre 170 milhões a 185 milhões de euros.

Já a segunda posição é ocupada pelo FC Barcelona, de Luis Enrique, Messi e Neymar. Este ano os campeões de Espanha vão receber 130 milhões de euros, incluindo já a renovação com a Nike (85 milhões de euros/ano) e com a Qatar Airways (35 milhões).

A partir da próxima temporada, contudo, a quantia que o clube da Catalunha irá amealhar será superior a 160 milhões de euros. O novo patrocínio da Rakuten (55 milhões fixos), que se soma aos valores da Nike (85 milhões em 2017 e 105 milhões em 2018) e da Qatar Airways, é a grande explicação para a melhoria da receita do Barcelona.

O Real Madrid segue na terceira posição. O contrato com a Fly Emirates, que termina em 2018, está avaliado em 25 milhões de euros por ano (com bónus por objetivos) e 28 milhões em “naming”. A marca do equipamento Adidas garante 40 milhões, mas resulta de um acordo assinado em 2012, quando os valores de mercado se encontravam bastante baixos.

cristiano-ronaldo-gareth-bale-real-madrid-football_3377147

A partir do próximo ano, porém, as coisas podem mudar de figura. Neste momento especula-se que o Real possa renovar com a Adidas por um valor estratosférico de 200 milhões de euros, um número que seria suficiente para colocar automaticamente a equipa espanhola na liderança deste ranking.

Entre as principais ligas europeias surgem ainda no TOP 6 o FC Bayern Munich (pouco mais de 100 milhões de euros), o Chelsea (cerca de 94 milhões de euros) e o Arsenal (80 milhões de euros).

3 Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *