O franchise de David Beckham na Major League Soccer americana está, pouco a pouco, a tornar-se uma realidade. Depois de pagar 25 milhões de dólares em 2014 para lançar o seu clube, o ex-internacional está agora prestes a pagar mais 300 milhões para dar uma ‘nova casa’ ao Miami Beckham United.

O negócio envolve também um investimento de Wes Edens, co-proprietário dos Milwaukee Bucks. Os dois sócios asseguram assim mais de 1 hectare de terra em Overtown, Miami, onde estará alojado o novo estádio da equipa americana.

E não só. Especula-se também que o ex-internacional Roberto Carlos possa vir a assumir o cargo de treinador da equipa de Miami, e que Lionel Messi e Zlatan Ibrahimovic sejam reforços futuros. Apesar de o sueco já ter recusado uma proposta esta época, preferindo assinar pelo Manchester United, Beckham tem intenções de voltar à carga.

A obtenção de financiamento e o projecto de construção do estádio eram dois entraves que tinham vindo a adiar a concretização dos planos de David Beckham. O atraso no processo fez com que o inglês visse a sua equipa a ser ultrapassada por dois franchises de equipas recém-chegadas à MLS: o New York City e o Orlando City. Neste momento, o objectivo é entrar na MLS em 2019.

Temos o sítio ideal, os proprietários perfeitos e uma base de fãs que conta os dias até ao nosso primeiro jogo”, afirmou Marcelo Claure, um dos proprietários dos Miami Beckham United.

Espaço comprado por David Beckham para a construção do estádio.
Espaço comprado por David Beckham para a construção do estádio.

Atualmente, o valor para conseguir uma vaga na MLS é quatro vezes superior aos 25 milhões que Beckham pagou em 2014. Os Atlanta United que tencionam ingressar a MLS na próxima época terão de pagar um valor de mais de 100 milhões de dólares.

Com a Major League Soccer a planear chegar aos 28 clubes nos próximos anos, são muitos os candidatos a uma vaga no primeiro escalão americano. E entre eles poderá estar um futuro rival dos Miami Beckham United: os Miami FC, que completaram este ano a sua primeira época na NASL, o segundo escalão de futebol, e têm o forte apoio de duas antigas lendas do AC Milan – Paolo Maldini e Alessandro Nesta – como co-proprietário e treinador, respetivamente.

Tudo demorou mais tempo do que esperávamos. Mas de qualquer forma, sentimos que estamos a chegar perto do fim deste processo”, contou David Beckham, esperando que o seu sonho na MLS se concretize o mais rápido possível.

 

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *