A Liga e o Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF) chegaram a acordo para fixar o salário mínimo na Segunda Liga na próxima época nos 974,75 euros. Este valor representa 1,75 vezes o salário mínimo nacional.

“Considerando que, apesar da retoma económica, muitos clubes se debatem com problemas económicos estruturais, a Liga encetou um projeto de sustentabilidade económica das sociedades desportivas”, refere a Liga em comunicado onde dá conta deste acordo com o sindicato.

Ler mais:

Também ficou definida a retribuição mínima mensal para os jogadores que atuem no Campeonato Nacional de Seniores, que vai ascender aos 855 euros (1,5 vezes o salário mínimo nacional), enquanto os futebolistas da Terceira Divisão será de 712,5 euros (1,25 vezes).

Por outro lado, os jogadores mais jovens, até aos 23 anos, que sejam formados localmente e celebrem o seu primeiro contrato de trabalho na temporada 2017-2018, “poderá ser praticado o salário correspondente à RMMG (570.00 euros) nos dois primeiros anos de contrato”.

 

“A LPFP e o SJPF congratulam-se com um acordo que garante condições de sustentabilidade aos clubes (…) e, consequentemente, a proteção dos jogadores”, destaca a missiva.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *