Há um fundo de investimento de Abu Dhabi interessado no futebol português.

O banqueiro ítalo-suíço Pablo Dana está a liderar um consórcio de investidores para adquirir o Marselha por entre 250 milhões e 300 milhões de euros e adiantou a um jornal francês que, caso este negócio não seja concretizado, este grupo tem outras opções em cima da mesa.

E entre as opções estão clubes portugueses, adiantou.

“Também estamos de olho noutras equipas em Itália, Inglaterra, Espanha e Portugal”, declarou Dana ao jornal marselhês La Provence.

Ainda assim, segundo Dana, a prioridade do fundo é  mesmo o Marselha, que sabe da intenção da empresária Margarita Louis-Dreyfus, actual proprietária do clube, de encontrar um novo accionista.

“O preço de venda nunca será revelado da nossa parte, nem da parte da Margarita Louis-Dreyfus. Oferecemos um pacote de três a cinco anos por entre 250 milhões e 300 milhões de euros”, referiu Dana.

Dana afirmou que o consórcio está a ponderar avançar para a aquisição desde o final de 2015, tendo manifestado o seu interesse em Janeiro

O ítalo-suíço adiantou ainda que o investimento do fundo poderá aumentar em função do desempenho do Marselha.

O Marselha conquistou o último dos seus nove títulos de campeão francês na temporada 2009-10, tendo realizado uma época 2015-16 aquém das expectativas – terminou no 13.º lugar. Na Taça de França, o Marselha conseguiu atingir a final, tendo perdido para o PSG por 4-2.